domingo, maio 31, 2009

Todos os caminhos vão dar ao Jamor

FCPorto x Paços de Ferreira
17h00 - Transmissão em directo na TVI

quinta-feira, maio 28, 2009

Terminou a III Edição da Liga Zé do Boné / Betadin


Numa última jornada dramática, a equipa da casa ZdB Olympic, orientada por este vosso humilde anfitrião, ultrapassou o Visconde, campeão em título, arrebatando assim o título em cima da linha da meta e pela primeira vez no seu historial, recompensando uma aposta plena de fé na vitória do Barcelona e, em especial, em Eto'o e Messi como autores dos golos.

Este acaba por ser um ano de glória para o blog Zé do Boné visto que as duas equipas da casa ficaram no pódio, em 1º e 3º respectivamente, após uma recuperação fenomenal pois convém recordar que, no final da fase de grupos da Champions, ambas estavam em 6º e 7º lugar.

Numa edição animada, com mais concorrentes, os títulos ficam assim distribuídos:

Campeão: ZdB Olympic
Recorde de pontos numa jornada: FC Barbens

Peço pois ao treinador do Barbens que entre em contacto comigo via e-mail (blogdokatano (at) hotmail.com) para acertarmos a entrega do prémio e certificado.

Próxima edição

Desde já convido os actuais participantes a marcarem na sua agenda a participação na próxima edição da Liga Zé do Boné / Betadin com arranque previsto para a 1ª jornada da próxima edição da Liga dos Campeões em Setembro.

Os interessados em experimentar pela primeira vez as emoções desta liga são bem-vindos e só precisam de ficar atentos ao blog pois, no final do Verão, será aqui publicado o regulamento, assim como o código de acesso a uma liga que promete trazer novidades!

Até lá!

Peace Cup



Pega-se em 12 equipas do melhor que há na Europa, dividem-se em quatro grupos e junta-se um prémio final no valor de 2 milhões de Euros. São estes os ingredientes da Peace Cup, ou, como já é chamada por muitos, a Summer's Champions League que chega, pela primeira vez este ano, à Europa.

Do lote de ilustres fazem parte a Juventus, o Aston Villa, o Lyon, o Real de Madrid e, pela primeira vez, um clube português, o F. C. do Porto (pois claro). Os Dragões estão a disputar o Grupo D juntamente com o Lyon e o Fenerbahçe, jogando a 27 e 29 de Julho o apuramento para a fase seguinte, que será disputada com o finalista do grupo C onde encontramos os já velhos conhecidos escoceses do Celtic de Glasgow (e que boas recordações), os Ingleses do Aston Villa e os espanhois do Málaga.

Naquela que é já a quarta edição da Peace Cup (e este o segundo convite de participação endereçado ao FCP os lucros reverterão inteiramente para o auxilio de crianças necessitadas e o troféu passou já pelas mãos do PSV, do Tottenham e do Lyon

A titulo de curiosidade ficam os grupos:

Grupo A: Sevilha (Espanha), Juventus (Itália) e Seongnam (Coreia do Sul)
Grupo B: Real Madrid (Espanha), Liga Quito (Equador) e Al-Ittihad (Arábia Saudita)
Grupo C: Málaga (Espanha), Aston Villa (Inglaterra) e Celtic (Escócia)
Grupo D: F.C. Porto, Lyon (França) e Fenerbahçe (Turquia)


Para mais informações sobre a competição: http://www.peacecup.com

quarta-feira, maio 27, 2009

Sublime Barcelona!

Montagem com base numa foto de: www.uefa.com

Batalha de Roma

Hoje é dia de final da Champions, a tão propalada "Batalha de Roma". Tenho uma certo palpite (e preferência) sobre quem vai ganhar.

Imagem: Sport.es

terça-feira, maio 26, 2009

Gelsenkirchen, 26 de Maio de 2004

Foi a 26 de Maio de 2004, data que ficará para sempre gravada a letras de ouro na memória dos adeptos portistas, que o FCPorto conquistou em Gelsenkirchen o seu segundo título de campeão europeu.

Ao AufShalke Arena, nesse dia o palco máximo do futebol europeu, subiram os nomes que entraram para a eternidade do futebol português: Vitor Baía, Paulo Ferreira, Jorge Costa, Ricardo Carvalho, Nuno Valente, Costinha, Deco (Pedro Emanuel 85'), Maniche, Carlos Alberto (Alenitchev 60'), Pedro Mendes e Derlei (McCarthy 78').

Cumpria-se assim a "profecia" de José Mourinho quando dissera, após a final de Sevilha, que havia sido "Inesquecível... mas não irrepetível!". Após a final, a equipa seria desmembrada, com Mourinho a partir para Londres levando consigo Ricardo Carvalho e Paulo Ferreira, Deco a sair para Barcelona, Pedro Mendes para o Tottenham e, numa segunda "razia" Jorge Costa, Nuno Valente, Costinha, Maniche, Carlos Alberto, Alenitchev, Pedro Mendes, Derlei e McCarthy.

A caminho estava outra equipa que daria a conhecer à Europa nomes como Pepe, Bosingwa, Quaresma, Raul Meireles, entre outros.

Fase de grupos:

O FCPorto estreou-se com um empate 1-1  no terreno do Partizan de Belgrado. Costinha aos 22' inaugurou o marcador mas, já na segunda parte e com o nosso inesquecível Drulovic em campo pelo lado dos sérvios, Delibasic restabeleceria a igualdade no marcador.

Na segunda jornada o FCPorto perdeu em casa, com o Real Madrid, por 1-3. Costinha voltaria a inaugurar o marcador logo aos 7' mas o Real Madrid faria valer os seus argumentos e ainda na primeira parte, daria a volta ao marcador por Helguera e Solari para, já no segundo tempo, ampliar a vantagem por Zidane. 

Após as duas primeiras jornadas, o futuro do FCPorto na prova parecia pouco promissor o que tornava o compromisso seguinte, no Estádio Vélodrome, num jogo decisivo. O Marselha havia perdido na primeira jornada em Madrid por 4-2, tendo vencido em seguida o Partizan em casa por 3-0 perfilando-se como co-candidato ao 2º lugar do grupo. Foi então que o FCPorto começou a mudar a história.

Em Marselha, num ambiente profundamente hostil, os franceses abriram o marcador por intermédio de Drogba (que dupla com o egípcio Mido!), logo aos 12' e ainda fizeram temer o pior mas, a partir daí, o FCPorto mostrou à Europa do que eram capazes os dragões de orgulho ferido. Em apenas 4 minutos (31' e 34'), Maniche e Derlei deram a volta ao marcador, cabendo a Alenitchev ampliar a vantagem aos 81'. Marlet ainda reduziria pouco depois mas o destino do jogo e do apuramento já estava definido e ainda mais ficou na segunda mão no Estádio das Antas, com o FCPorto a vencer novamente, desta vez por 1-0 e novamente por Alenitchev.


O apuramento seria confirmado na jornada seguinte com o FCPorto a receber e bater o Partizan por 2-1 com bis de McCarthy e, novamente, Delibasic a reduzir já no último minuto do tempo regulamentar.

Na última jornada, o FCPorto jogava em Madrid, sem grandes aspirações ao primeiro lugar apesar de estar apenas a 3 pontos dos madrilenhos tendo no entanto contra si o goal average. O jogo até começou mal pois Solari marcou logo aos 9' mas, ainda na primeira parte, o FCPorto chegaria ao empate por Derlei na marcação de um penalty. Costinha veria o cartão amarelo ficando suspenso e não podendo disputar o próximo jogo que seria a 1ª mão dos oitavos de final. 

Na altura, a aposta de Mourinho em Costinha para este jogo foi algo criticada pelo facto de o médio se encontrar à beira da suspensão por cartões amarelos e este ser um jogo no qual não se decidia nada a não ser a repartição de pontos. O Special One  foi taxatório afirmando que preferia contar com o Ministro na eventualidade de ter de recuperar de uma desvantagem no jogo da 2ª mão dos oitavos, do que poupá-lo neste jogo e arriscar-se a não o ter na 2ª mão. Esta decisão, à partida pouco relevante, seria no entanto decisiva para a conquista do título.

 

Oitavos de final: FCPorto x Man Utd: 2-1 e 1-1

Esta foi a eliminatória que pôs a Nação Azul e Branca a acreditar que o título era mais que uma miragem de um troféu destinado às grandes potências milionárias do futebol europeu. Após um primeiro jogo fantástico nas Antas onde um bis de McCarthy virou um resultado adverso de 0-1 com golo de Fortune, o FCPorto viajou para Old Trafford sentindo que tudo podia acontecer.

Em Manchester, um golo de Paul Scholes parecia fazer ruir os sonhos ainda mais quando o minuto 90 se aproximava implacavelmente. Mas o FCPorto não se rendeu, nem com a lesão de Jorge Costa ainda na primeira parte, e mostrou a um estádio incrédulo aquilo de que a sua crença imensa era capaz de alcançar, aquilo que faz do FCPorto uma equipa diferente, uma equipa de luta até ao fim.

Uma recarga de Costinha (sempre ele!) fez daquele minuto 90 um minuto lendário, destinado a ser recordado enquanto o FCPorto for o FCPorto. A imagem de Mourinho entrando no terreno para comemorar o golo com os seus jogadores, a festa destes junto aos adeptos, são como quadros em lugar de honra da galeria das memórias mais notáveis do futebol.

A partir daquele minuto 90 o clube, os adeptos, o país inteiro teve uma certeza que muitos não ousavam contudo confessar: o título era possível!





Quartos de final: FCPorto x Lyon: 2-0 e 2-2


Desta vez a sorte bafejara o FCPorto ao atribuir-lhe no sorteio o adversário que era então mais desejado: o Olympique Lyonnais isto apesar dos franceses contarem nas suas fileiras com nomes como Juninho, Coupet, Edmilson, Essien, Diarra, Malouda, Gouvou, Luyindula e Elber. Nas Antas, dois golos, um em cada parte, o primeiro de Deco e o segundo de Ricardo Carvalho, catapultaram o FCPorto para as meias finais, limitando-se a confirmar essa passagem na 2ª mão no De Gerland.

Naquela que foi a sua noite, Maniche abriu o marcador logo aos 6'. Mas o Lyon jogava o seu orgulho e aos 14' Luyindula restabeleceu a igualdade. Logo a abrir a 2ª parte Maniche deixava novamente a sua marca fazendo o 2-1 para o goleador Elber, já em cima do minuto 90, estabelecer o resultado final de 2-2.

Meias finais: FCPorto x Deportivo: 0-0 e 1-0

Depois de uma primeira mão polémica pelos equívocos de arbitragem e onde o FCPorto foi superior, o FCPorto entrava no Estádio Riazor com o mesmo espírito com que entrara um ano antes no Olímpico de Atenas. Um golo de Derlei de penalty, a castigar falta sobre Deco na grande área, repôs a justiça na eliminatória, guindando o FCPorto para a final perante um Deportivo impotente, com a curiosidade de ter tido um defesa central expulso em cada um dos jogos: osbem  conhecidos Jorge Andrade na 1ª mão e Naybet na 2ª mão.


Final: FCPorto x AS Monaco: 3-0


A 26 de Maio, ao contrário do que acontecera um ano antes, o FCPorto apresentou-se para disputar uma final europeia na máxima força. Desta vez, havia em todo o universo azul e branco uma sensação de confiança, distante do nervosismo do ano anterior. Perante um Monaco que eliminara sucessivamente o Lokomotiv de Moscovo, o Real Madrid e o Chelsea e que contava nas suas fileiras com Givet, Ibarra, Evra, Giuly, Rothen, Prso, Morientes e Nonda, o FCPorto foi mais forte, alcançando o título por que esperara 17 anos.

Depois de Gomes, Madjer, Celso, Mlynarczick, João Pinto, Lima Pereira, André, Futre, Juary, Jaime Magalhães, a Europa curvava-se a uma nova geração dourada do FCPorto.

O sentimento da final é difícil de descrever. Ficamos pois pela alegria do saudoso Jorge Perestrelo aos microfones da TSF quando Deco marcou o 2º e decisivo golo da final:

"Golo do Porto! Que bonito é! Que bonito! As bandeiras estão desfraldadas ao vento! Nós queremos agradecer aos deuses do futebol esta felicidade que nos enche a alma, que põe um país parado, um país emocionado! É golo do Porto!"

Liga Zdb/Betadin - última jornada


Quando faltam pouco mais de 24h para a grande final da Liga dos Campeões entre Barcelona e Man Utd, também se aguarda com ansiedade pela última jornada da 3ª edição da Liga Zdb/Betadin onde o desfecho é ainda incerto.

Após uma fase de tremenda recuperação, as equipas da casa chegam à última jornada em condições de arrebatar o 1º lugar ao campeão em título e líder da classificação que, no entanto, tem vindo a perder gás, encontrando-se agora a apenas 7 pontos de distância do 2º classificado.

A decisão quanto ao campeão será pois decidida por detalhes podendo verificar-se uma ultrapassagem histórica que fará de qualquer uma das equipas da casa uma espécie de União de Leiria.

Mais distantes encontram-se as equipas FC Seven1970 e FCBarbens que dificilmente poderão aspirar ao título. Contudo, o FC Barbens poderá já ter assegurado o prémio de recorde de pontos numa jornada com 71 pontos, marca que obteve logo na primeira jornada.

Agora é tempo de decisões! 

FCPorto em grande (mais uma vez) no fim-de-semana

Hóquei em Patins: FCPorto mais perto do "Octa"

O FCPorto recebeu e bateu em Fânzeres o Juventude de Viana por 5-2( com 2-1 ao intervalo), naquele que foi o primeiro jogo da final do Playoff de apuramento do campeão nacional 2008/2009.

Reinaldo Ventura (sempre ele!) apontou 2 golos tendo sido os restantes da autoria de Emanuel Garcia (2) e Filipe Santos que, assim, regressou da melhor forma à competição.

A final prossegue no próximo Sábado em Viana do Castelo onde, apesar de ter todas as condições para vencer, o FCPorto irá certamente contar com um Juventude de Viana mais aguerrido, à semelhança da equipa sensação que foi durante a fase regular.

A nota mais triste prende-se com a não transmissão televisiva da final do campeonato. Numa altura em que o Hóquei em patins está em curva descendente, tanto em termos monetários como em número de espectadores, lamenta-se que não haja vontade por parte das entidades responsáveis em assegurar a visibilidade da competição. Perdem os adeptos e perde a competição. Uma situação a rever já na próxima temporada, se faz favor.



Andebol: FCPorto mantém vantagem na final



Depois de ter perdido na quinta-feira na deslocação à Luz por 32-27, o FCPorto recebeu e bateu o Benfica por 33-26 no 3º jogo da final, recuperando a vantagem na discussão para o apuramento do campeão 2008/2009.

À parte o período inicial da partida onde o equilíbrio foi nota dominante, o FCPorto arrancou para uma exibição categórica que não deixou dúvidas sobre quem é a melhor equipa portuguesa do momento.

Eduardo Filipe esteve em destaque na partida, tendo anotado 9 golos, para além de ter contribuido decisivamente para a dinâmica da equipa.

A final prossegue na próxima quinta-feira, no Pavilhão da Luz e, em caso de vitória, o FCPorto sagrar-se-á campeão nacional. No entanto o Benfica já provou que é muito forte em casa, sobretudo quando não há adeptos do adversário nas bancadas (é difícil conseguir bilhetes para a Luz, vá-se lá saber porquê) mas, mesmo que perca, o FCPorto terá sempre a vantagem de jogar o jogo decisivo em casa.

Força Porto!


segunda-feira, maio 25, 2009

FCPORTO-1 / Sp.Braga-1


Foi muito bonita a festa, tanto que os jogadores entraram nos festejos em demasia, portanto, o resultado final aceita-se, pois se na 1ªparte foi o Braga que foi melhor e o FCP é que marcou, na 2ªparte foi o inverso.
Ainda que depois do empate, o FCP tenha pegado no jogo, mas sem grande continuidade nos lances de perigo e muito menos eficácia.
Valeu pela festa dos jogadores, treinadores, adeptos e de toda uma cidade que ainda deve estar em festa, e muito merecida.
É preparar a taça com respeito pelo adversário e com seriedade e respeito pelo nome do FCPORTO.

sexta-feira, maio 22, 2009

Dream team, parte LXVI

Começou outro período de transferências muito animado com a chegada de, pelo menos, 25 craques de nível mundial ali para os lados do Colombo. Mal podemos esperar pelos próximos desenvolvimentos...

Fotografia adaptada a partir de um original de João Trindade

Rémi Gaillard, o craque da bola!

Rémi Gaillard é um humorista francês que ficou célebre por se ter "infiltrado" entre os jogadores do Lorient, aquando da vitória destes na Taça de França, e por ter subido com eles à tribuna de honra para receber o troféu, tendo sido cumprimentado por Jacques Chirac, presidente da República. Desceu então, ainda com a equipa, para a volta de honra, tendo segurado a Taça, dado uma entrevista rápida (na qual afirmou a sua disponibilidade para jogar na selecção gaulesa) e terminando por dar autógrafos. Podem ver o vídeo (em francês mas suficientemente expressivo) que coloquei aqui.

Aparentemente Rémi Gaillard é também um craque da bola, como mostra esta compilação que produziu no contexto de um patrocínio da Nike.


Pinto da Costa entra a pés juntos sobre o CR7

As últimas declarações do madeirense metrossexual mais famoso do Mundo mereceram uma resposta (e que resposta) do FCPorto, na pessoa do seu presidente Pinto da Costa

"O Cristiano Ronaldo diz que gosta muito de marcar golos ao FC Porto, mas eu gostava muito era de o ver marcar pela Selecção. Infelizmente sofremos um golo a 35 metros numa baliza em que uns dias antes ele falhou o golo a 35 centímetros. (...) Ficaria bem mais contente, tal como todos os portistas e portugueses, se lhe desse gozo marcar golos pela Selecção em primeiro lugar."

Esperemos agora pela resposta daquele que, sendo capitão da Selecção, diz a quem o quer ouvir que os outros não se esforçam tanto quanto ele.

quarta-feira, maio 20, 2009

FCPORTO Vence Liga Intercalar

A equipa do FCP que participa na Liga Intercalar 2008/09 acaba de conquistar mais um trofeu, o 1º desta competição no seu 2ºano.

FC Porto 0-0 (6-5)g.p. Mafra

E a vontade de vencer só cresce...

Como diz o Presidente, á conquista do Sul :)

Última final da Taça UEFA

Realiza-se daqui a pouco mais de uma hora a 38ª e última final da Taça UEFA que já na próxima época irá dar lugar a uma competição em novo formato: a Liga Europa.

Frente a frente estarão o Shakhtar Donetsk e o Werder Bremen, numa final inédita que é ao mesmo tempo a oportunidade para ambos salvarem a época uma vez que na Ucrânia o Dinamo de Kiev é já virtual campeão (curiosamente foi eliminado pelo Shaktar nas meias finais da UEFA), já o Werder Bremen está actualmente a meio da tabela da Bundesliga sem hipóteses sequer de se qualificar para uma competição europeia.

A minha aposta vai para o Shakhtar, uma equipa mais rigorosa tacticamente, em detrimento do Werder Bremen, um conjunto extremamente irregular, capaz do melhor e do pior, e que ainda por cima está desfalcado da sua figura maior, o nosso conhecido Diego, tal como de Hugo Almeida que nos últimos jogos tem sido titular.



FCPorto x Celtic, uma das melhores finais de sempre (segundo a UEFA)

A UEFA, no seu site oficial, destaca hoje as 6 melhores finais da Taça UEFA, sendo uma delas a emocionante final de Sevilha que, em 2003, opôs o FCPorto ao Celtic de Glasgow e que, como 10 milhões de portugueses se recordam, terminou com o brilhante triunfo que pintou a Europa de azul e branco, graças aos golos de Derlei (2) e Alenitchev.

As outras finais em destaque são:

2001: Liverpool 5 x 4 Alavés, com vantagem do Liverpool 3-1 ao intervalo.

1997: Shalke 04 x Inter (final a duas mãos com 1-0 e 0-1), decidida na marcação de grandes penalidades com a vitória dos alemães por 4-1.

1998: Espanyol x Bayer Leverkusen (final a duas mãos com 3-0 e 0-3), também decidida na marcação de grande penalidades com a vitória dos alemães por 3-2.

1985: Real Madrid x Videoton ( final a duas mãos com o Real a ganhar fora por 3-0 e a sofrer uma derrota em Madrid por 1-0), na primeira época da Quinta del Buitre: Butragueño, Michel, Sanchis, Martin Vazquez e Pardeza.

1981: Ipswich Town x AZ Alkmaar (final a duas mãos com a vitória dos ingleses em casa por 3-0 e dos holandeses na 2ª mão por 4-2), tratou-se da primeira de duas vitórias consecutivas da equipa inglesa na prova treinada pelo nosso bem conhecido Bobby Robson.

Basquetebol: Moncho Lopez oficializado como treinador

A notícia já não é novidade pois já vinha sendo anunciada nos últimos dias mas desta vez é mesmo oficial: Moncho Lopez foi oficialmente apresentado como treinador principal da equipa de basquetebol do FCPorto para as próximas duas épocas.

O espanhol, que vai acumular o cargo de treinador do FCPorto com o de Seleccionador Nacional, teve o seu momento mais alto na carreira no Europeu de 2003, quando levou a Espanha ao 2º lugar. Esta contratação, em antecipação ao campeão Ovarense e ao Benfica, deve ser aplaudida pois revela uma maior ambição por parte da secção de basquetebol do FCPorto com vista à luta pelo campeonato, competição que já foge há 4 anos ao FCPorto.

Na apresentação, Lopez revelou um discurso cauteloso ao perspectivar o futuro, preferindo destacar a alegria por poder trabalhar num grande clube.

Entretanto já está em marcha a definição da equipa para a próxima época, com a renovação de contrato do base João Figueiredo por uma época, com outra de opção. Ao FCPorto poderá também chegar em breve o internacional Jorge Coelho, actualmente em Espanha ao serviço do Gijon. 

Parece promissora a próxima época do FCPorto que, este ano, desiludiu os adeptos ao quedar-se por uma modesta 8ª posição, a última a dar acesso ao playoff, e ao ser eliminado pelo Benfica, isto apesar de ter infligido a primeira derrota da época aos encarnados na Luz.

FCPorto em grande

Pedindo desculpa pela "ausência", justificada por uma severa restrição de tempo disponível para a escrita, não podia contudo deixar de comentar os últimos eventos do universo portista numa semana muito positiva.

Trofense 1 x 4 FCPorto - A festa do Tetra continua

Alinhando um onze com algumas figuras de 2ª linha, o FCPorto foi à Trofa mostrar o porquê de já ostentar no peito o símbolo de Tetracampeão. Desta vez, sem factores "externos" ao contrário do que sucedeu na primeira volta no jogo do Dragão onde o Trofense teve um precioso Reforço, o FCPorto não deu hipóteses após alguns minutos iniciais nos quais o Trofense conseguiu algumas boas ocasiões.

Com Farias  e Mariano em bom plano (se o primeiro tem vindo a revelar a sua utilidade e com isso a confirmar que o investimento da SAD não foi à toa, já o segundo tem esta tendência de terminar as épocas em grande), o FCPorto foi liderado por um intratável Lisandro que bisou e assumiu  a liderança da lista de melhores marcadores do FCPorto na Liga. Contudo, quanto a golos, não deixa de ser notável a produtividade de Farias que só na Liga Sagres leva já 9 golos, menos um que Lisandro, tendo também apontado 4 golos na Taça de Portugal e 1 na Hermínio's Carlsberg Cup.

A nota de maior destaque vai contudo para o regresso de Hulk que mostrou estar de novo em pleno. Um importante reforço para o ataque à dobradinha.


Andebol: FCPorto 32 x 25 Benfica - Exibição à campeão

O FCPorto recebeu e bateu categoricamente o Benfica no primeiro jogo da final do campeonato por 32 x 25. Num jogo dominado de princípio ao fim pelo FCPorto, a equipa azul e branca mostrou o porquê de ter ficado em primeiro lugar na fase regular do campeonato. A final segue já amanhã com o 2º jogo, desta feita no Pavilhão da Luz, local onde, tendo em conta o que sucedeu no último jogo das meias finais, o FCPorto deveria solicitar uma licença especial para o uso de colete e capacete de protecção. 

Quanto a bilhetes para o jogo, também parece que o Benfica não vê com bons olhos a visita dos adeptos da equipa adversária. Basta ver o que sucedeu no decisivo jogo contra o Sporting no qual, apesar do pedido de bilhetes por parte do emblema de Alvalade, o Benfica (proclamado paladino da verdade desportiva) limitou-se a... não dar qualquer resposta preferindo pagar uma multa por incumprimento de regulamentos.


Lisandro recebe prémio de Futebolista do Ano JN

«Foi uma boa aposta ter vindo para o FC Porto» disse Lisandro aos responder a uma das perguntas colocadas pelos leitores do JN quando o jogador se deslocou à redacção do jornal para receber o prémio de Futebolista do Ano.

Quem desejar pode ver o vídeo onde Lisandro fala também um pouco acerca do clube.


Foram 4 anos de êxitos no FC Porto mas tudo indica que o jogador venha a sair no final da época. Viu-se a mão no peito no jogo passado, como se quisesse dizer aos adeptos que levava este clube no coração...

segunda-feira, maio 18, 2009

O melhor do melhor...


«Foi especial marcar em Portugal. Sinto orgulho no meu país, mas fico muito feliz quando marco ao F.C. Porto»


Cristiano Ronaldo, melhor jogador do mundo,
orgulho de todos os portugueses,
esperança do futebol nacional




Somos grandes, somos realmente muito grandes para motivar este tipo de pequenez ao (na teoria) MAIOR nome do futebol mundial do momento...

quinta-feira, maio 14, 2009

A Protecção Civil informa:

No próximo domingo terá lugar em Lisboa um simulacro da vitória do Benfica no principal campeonato de futebol português.

A exemplo do que acontece com os simulacros de grandes acidentes naturais, coordenados pela Protecção Civil, o Benfica pretende preparar os seus adeptos e a cidade para a eventualidade de voltar a ganhar o campeonato nacional de futebol.·

Este evento, onde são esperadas mais pessoas do que na última vitória do Benfica na volta a Portugal em bicicleta, obrigará ao encerramento de várias ruas em Lisboa como a 2ª circular, Av. Lusíada, Av. Liberdade e claro Marquês de Pombal. O novo Hospital da Luz também vai ser palco do simulacro com maior incidência na área de cardiologia e tratamentos de excessos de álcool.·


O director de comunicação do Benfica, João Gabriel, explicou o que irá acontecer: “este simulacro é muito importante para que os nossos adeptos não percam o hábito de festejar o título e para testarmos que tudo funcionará em caso de eventual futura vitória. Todo o evento será coberto pela Benfica TV mas apenas com a imagem do José Carlos Soares a relatar os acontecimentos. A saúde do nosso presidente também exige que o vamos preparando com estes simulacros.”

Recebido por e-mail *

quarta-feira, maio 13, 2009

Ai Jesus!

Tinham de meter o FCPorto nesta guerra... Estava-se mesmo a ver que, depois de ter tentado desviar Jorge Ribeiro, Carlos Martins, Aimar e o super fenómeno Balboa, todos eles os anunciados redentores da travessia do deserto da "Instituição", ao FCPorto só faltava tentar desviar Jesus (que se calhar não domina tanto o aramaico quanto o Jesus de que o Benfica realmente precisaria neste momento).

É divertido constatar que se procuram valorizar activos (o Balboa é mais inactivo vá, o Jorge Ribeiro é algo próximo do imóvel) de certos clubes propalando que o FCPorto os tentou aliciar, isto quando nenhum deles seria titular na actual equipa do tetracampeão. 

Ainda se queixam eles que certos sectores dos adeptos portistas se dão ao trabalho de tecer considerações sobre a profissão das mães dos encarnados durante os jogos... Embora seja contra isso, reconheço que, para o Benfica, até é um favor pois, de outro modo, o nome do Benfica andaria permanentemente arredado dos grandes palcos e das grandes decisões do futebol...

Deixem lá o FCPorto em paz e entretenham-se a contratar Eriksson, Queiroz, Quique ou outros que tal. O tetracampeão merece mais respeito.


Ai cigano!

Outro exercício de puro humor... Meus senhores, Quaresma para quê? O Reyes não jurou amor eterno ao Benfica? O Balboa não justificou os 4 milhões? Já agora, há dinheiro para pagar as trivelas?

PS - Quanto à ultrapassagem do Benfica pelo FCPorto em termos de títulos, isso nunca será um objectivo mas apenas uma consequência natural. Há outras coisas em que pensar e que são bem mais importantes.

terça-feira, maio 12, 2009

O "Professor do Tetra" deverá ficar pelo menos mais um ano

Parece ser um cenário cada vez mais provável ao qual falta apenas a confirmação oficial: Jesualdo deverá ficar mais uma época no FCPorto.

Este é um cenário que vem de encontro ao anseio dos adeptos portistas. Aliás, se tivermos como referência os leitores deste blog, constatamos que 74% apoiam incondicionalmente essa renovação, havendo apenas 15% contra, enquanto 11% estarão já a favor dado que defendiam que a continuidade do professor dependia directamente dos resultados obtidos no final da época, isto embora ainda falte disputar a final da Taça de Portugal.

Andebol: FCPorto na final da Liga

O FCPorto - Vitalis apurou-se para a final do Campeonato ao bater fora o Madeira SAD por 30-29 num jogo intenso, extremamente renhido, e após 2 prolongamentos.

Embora ao intervalo a equipa azul e branca registasse uma vantagem de 15-13, na segunda parte os insulares souberam equilibrar a partida, tendo-se chegado ao final do tempo regulamentar com uma igualdade de 24-24.

Só no final do 2º prolongamento o FCPorto conseguiu estabelecer em definitivo a sua supremacia, justificando o porquê de ter terminado a fase regular em primeiro lugar.

Resta agora aguardar até quinta-feira para saber quem é o outro finalista que sairá do jogo entre o Benfica e o Sporting, cuja eliminatória está empatada.

Foto: FCPorto

domingo, maio 10, 2009

FCPORTO-1 / Nacional-0





FC PORTO é TETRA-CAMPEÃO. :) :) :) :) Parabéns a todos os PORTISTAS

Hóquei em patins: FCPorto elimina Benfica


O FCPorto foi hoje ao pavilhão da Luz impor-se com categoria ao Benfica por 4-3, após ter estado por três vezes em desvantagem. Num jogo que teve duas partes bastante diferentes, o Benfica chegou ao golo ainda na primeira parte, num lance de desconcentração da defesa do Heptacampeão, resultado com que se chegou ao intervalo.

Após o intervalo o FCPorto restabeleceu a igualdade com um remate de Pedro Silva que surpreendeu a defesa benfiquista. Contudo, os encarnados reagiram e, quase de imediato, voltaram a adiantar-se no marcador.

Com Fraklim Pais a rodar bastante a equipa, Ventura saído do banco usou de toda a sua experiência para voltar a empatar o jogo, batendo bem o guarda-redes com um toque entre este e a baliza.

O Benfica contudo não desarmava e, mais uma vez, voltou a adiantar-se no marcador, fazendo o 3-2, acalentando assim a esperança de empatar a eliminatória. Foi então que o jovem Pedro Moreira decidiu torna-se na figura do jogo, empatando o jogo num excelente remate à meia volta para, a 40 segundos do fim, decidir a eliminatória na conclusão de um excelente lance de contra-ataque, quando já todos esperavam pelo prolongamento.

O FCPorto vence assim as meias finais por 2 jogos a 0 e irá agora defrontar o Juventude de Viana na decisão de um campeonato onde os minhotos têm tido uma carreira muito interessante e serão com certeza um adversário muito difícil. No entanto, por aquilo que o FCPorto também tem mostrado, hoje especialmente, há esperanças legítimas para acalentar o sonho do OCTACAMPEONATO!

Basquetebol: FCPorto eliminado

Por outro lado, a equipa de basquetebol do FCPorto foi hoje eliminada pelo Benfica ao perder por 60-72, averbando assim a terceira derrota na eliminatória. Pelo meio fica o registo de ter infligido ao Benfica a sua única derrota na presente temporada, ainda por cima na Luz.

Este acaba por ser o desfecho natural de uma época onde a equipa do FCPorto teve uma prestação extremamente irregular, muito abaixo daquilo a que habituou os seus adeptos. Por outro lado a lesão de Nuno Marçal veio ainda fragilizar mais a equipa, dificultando ainda mais a situação.

Resta-nos esperar pela próxima temporada, ficando na expectativa pelo que o FCPorto irá fazer em termos de remodelação da equipa.

sábado, maio 09, 2009

O estranho caso do minuto 72...

Corria o minuto 72 do jogo desta noite entre o Sporting e o Vitória de Setúbal, quando o treinador sadino, de uma assentada, retirou Bruno Gama e Leandro Lima, estranhamente aqueles que haviam sido os elementos mais dinâmicos da equipa na primeira parte.

Com o Sporting a precisar de vencer para adiar a conquista do título por parte do FCPorto e ainda para assegurar o 2º lugar, não deixou de ser estranha esta substituição.

Curiosamente, o Sporting acabaria por conseguir vencer um jogo que se afigurava muito complicado...

NOTA: qualquer semelhança entre este comentário e outros relativamente a situações envolvendo a substituição dos mesmos jogadores, é a mais pura e inocente coincidência.

Futuro risonho

    

    

Ao longo da semana foram notícia as extensões dos contratos de Fernando, Raul Meireles, Cissokho e Rolando, jogadores que, ao longo da época, se revelaram fundamentais na iminente conquista do campeonato (para já).

Trata-se de uma iniciativa que merece um aplauso e que se justifica plenamente pela excelente época que os atletas fizeram, tanto domesticamente como nas competições europeias e que levaram ao despoletar do interesse por parte de meia Europa.

No Dragão o futuro está a ser construído hoje.


FCPorto x Nacional - Jogo do Tetra ou mera formalidade?

A recuperação espantosa de Hulk e a sua inclusão nos convocados é sem dúvida a grande surpresa da convocatória para o jogo de amanhã à noite, contra o Nacional da Madeira, no Estádio do Dragão.  Para além de Hulk, regressa também Sapunaru, igualmente recuperado de uma lesão.

Esta recuperação-recorde de Hulk pode ter duas leituras: ou o FCPorto fez algum bluff para chamar a atenção para a "porrada" que o jogador tem vindo a sofrer nos últimos tempos ou, pelo contrário, a capacidade de recuperação do jogador foi subestimada e revelou ser espantosa, deixando também perceber que se trata de alguém com uma grande capacidade de sacrifício.

Uma injecção de moral e um reforço fundamental para o resto da época que vem reforçar ainda mais a confiança, não só para os restantes jogos da Liga como também para a final da Taça de Portugal.

Em relação ao jogo de amanhã às 20h15 (transmissão em directo na SportTV 1), resta saber se o mesmo será o jogo do Tetracampeonato ou se a festa começará já hoje, com o Sporting a receber o aflito Vitória de Setúbal, num jogo de tudo ou nada para os sadinos, mais pressionados ainda pela vitória ontem do Rio Ave e cujo cenário poderá ainda piorar mais se o Trofense protagonizar uma surpresa esta noite no Estádio da Luz (tendo em conta a regularidade do adversário...).

Lista de Convocados:

Andrés Madrid, Bruno Alves, Cissokho, Farías, Fernando, Fucile, Helton, Hulk, Lisandro, Mariano, Nuno, Pedro Emanuel, Raul Meireles, Rodríguez, Rolando, Sapunaru, Stepanov e Tomás Costa.


segunda-feira, maio 04, 2009

Maritimo-0 / FCPORTO-3




Raul Meireles (3'), Rolando (64') e Tomás Costa (83')

FCPORTO a uma vitória do Tetra-Campeonato

Foi um FCPORTO pragmático que esteve na Madeira esta noite, sabendo que os adversários tinham empatado e perdido os seus jogos, e que Jesualdo não tinha nem Lucho, (Tomás Costa), nem Hulk (Mariano González).

Assim, Jesualdo esquematizou a sua equipa para um 4-3-3 habitual nos ultimos meses (mesmo em jogos de elevado nível jogou neste esquema) sempre com Rodriguez a saber fechar bem a ala esquerda, quando em perda de bola.

Neste jogo, o FCP e os seus jogadores entraram com tudo, sabendo que uma vitória os colocaria a 3 pontos do titulo. Assim, nos primeiros minutos, Bruno Alves remata ao poste e na sequência do lance, de canto, Raul Meireles remata forte e conta com a inépcia do Marcos, que se fez mal ao lance, marcando um golo que foi fruto da entrada forte que os jogadores do FCP tiveram neste inicio de jogo.

Assim e até à lesão do Raul Meireles aos 23m., foi o FCP que sem forçar muito, controlou o jogo. Depois da lesão do Meireles parece-me que o FCP, principalmente os três médios, recuaram em demasia, e com isso, o Maritimo cresceu no jogo, claro que já sem Lucho, perder Meireles, é algo que preocupa neste meio campo, e com isso a equipa ressentiu-se, até porque Guarin não entrou bem no jogo, pois é um jogador diferente.

Por outro lado, como a defesa recuou em demasia, o Maritimo criou 1 ou 2 lances de perigo neste periodo e coube ao FCP sofrer até ao intervalo, apesar de perto dos 45 m., numa boa jogada de Mariano a isolar Rodriguez que no entanto permitiu a defesa de Marcos.

Na 2ªparte, foi também o Maritimo que entrou melhor no jogo, com um FCP a defender muito atrás, e que por 2 vezes podia ter empatado, mas não o conseguiu fazer. Depois, num lance de falta onde Tomás Costa é tocado à entrada da area, da qual resultou um livre marcado por Rodriguez, Rolando desvia subtilmente a bola e faz o 2-0. Aí percebeu-se que o FCP além de lutar muito, também estava com um pouco de estrelinha de Campeão neste jogo.

Já perto do fim, apesar do Maritimo ainda ter rematado á trave, num lance onde Helton ainda toca na bola e faz uma defesa extraordinária, o FCP gizou bem um lance de contra-ataque, e Rodriguez desmarca bem Tomás Costa que faz o 3-0.

Com este resultado expressivo, num jogo dificil, pois nos Barreiros é sempre complicado de ganhar, e com 2 ausências já certas e ainda a perda de Meireles numa fase inicial doi jogo, foi um FCP que soube sofrer e acreditar que iria ganhar este jogo, para nos momentos certos marcar e ganhar de forma justa, ampliando assim a vantagem.

E podendo com esta vitória festejar já o titulo no próximo jogo no Dragão contra o Nacional.
E o Tetra tão perto... FORÇA PORTO...