sábado, junho 06, 2009

OCTOCAMPEÕES! (actualizado)

Ao bater há instantes o Juventude de Viana no Pavilhão de Monserrate, em Viana do Castelo, por 5-4, o FCPorto sagrou-se OCTOCAMPEÃO NACIONAL, estabelecendo um recorde de 8 títulos consecutivos muito difícil de bater. Um golo de ouro de Emanuel Garcia, na primeira parte do prolongamento, valeu o título ao FCPorto, após um jogo onde Edo Bosch foi decisivo para resistir ao "assalto" da equipa local.

A Juventude de Viana deu uma excelente réplica, batendo-se com valentia até ao fim e parece-me que não seria injusto se conseguisse a finalíssima em Fânzeres. Mais que justa por isso a ovação em pé com que foram brindados os jogadores da equipa minhota no final.

Venha agora a Final Four da Taça de Portugal.




"Octo" ou "Octa"?

O FCPorto vence tanta vez que provoca dúvidas em relação ao português... Deverá dizer-se OCTAcampeão ou OCTOcampeão? Para evitarmos situações de cultivo de ignorância como a que há uns anos atrás tentaram fazer ao chamar o possível Hexacampeonato de ... Bitri (!!!) fica aqui o esclarecimento que, de acordo com o "Ciberdúvidas", a terminologia correcta a usar será a de OCTOcampeão e não OCTAcampeão:

A forma corre(c)ta é octocampeão. A palavra é formada pelo radical octo- (radical grego que exprime a noção de oito) mais o substantivo campeão. A par deste elemento de formação de palavras, existem outros que também exprimem quantidade, como tetra-, penta- ou hexa-. É, possivelmente, a associação a estes radicais semelhantes, mas que terminam em a, que gera confusão.

Fica assim esclarecida a dúvida em prol da uniformização da referência a um feito inédito na história do Hóquei em Patins português.

9 comentários:

dragao vila pouca disse...

Fantástico feito! Oito campeonatos consecutivos é uma marca extraordinária.
Na pessoa de Ilídio Pinto, Dirigente de eleição e o Senhor Hóquei em Patins, felicito todos os que contribuiram para a conquista do Octacampeonato.
Como portista, só posso dizer: obrigado por mais esta alegria, mais esta vitória. Temos muito orgulho em vocês!

Ana disse...

Injusto, muito injusto! O meu Juventude de Viana bateu-se como um herói frente ao heptacampeão nacional, tendo deixado fugir a vitória a 2 minutos do fim do tempo regular. Depois foi perder por um angustiante golo de ouro! De referir que nem o treinador do FCP concorda com este tipo de eliminação... Enfim! Fomos grandes e demos luta, pelo que mereciamos disputar pelo menos mais um jogo.

Mas o FCP é grande e tem jogadores que estão entre os melhores do Mundo, como o Edo Bosch, que muito admiro. E o Reinaldo Ventura. Confesso que nem sei se hei-de festejar já que, apesar de as raízes falarem muito alto, o meu clube é também o Futebol Clube do Porto. E somos octacampeões carago!

Viva o Juventude e viva o FCP! Grande jogo!

dragao vila pouca disse...

Caetano, não concordo com o octo.
É hexa, hepta, octa, e por aí fora, logo, ao octa junta-se campeão e dá octacampeão.

Um abraço

Caetano disse...

Vila Pouca, pessoalmente soa-me melhor OCTA que OCTO mas o português correcto nem sempre é o que soa melhor. Ainda assim vou recorrer ali aos meus consultores para esta área para tirar a dúvida a limpo. Pelo menos no Ciberdúvidas, defendem que é OCTO.

Abraço

Caetano disse...

Ana, o Juventude bateu-se bem e mostrou que tem uma excelente equipa, muito experiente (Paulo Almeida (ex-Benfica e Óquei Barcelos), Didi (ex-FCPorto), por aí fora. Aliás, foram mesmo a equipa que mais deu luta ao FCPorto na presente edição do campeonato pelo que estão de parabéns.

Quanto ao playoff e ao golo de ouro, são critérios algo cruéis pois o esforço de uma época fica subitamente em jogo e um instante pode deitar um ano a perder. É como aqueles jogos de bairro em que, quando o jogo tinha de terminar, alguém chico-esperto impunha o critério de "quem marcar ganha".

Seria interessante o Juventude manter a equipa para o próximo ano mas parece que o guarda-redes vai sair.

Wolverine23 disse...

Afinal é OctoCampeões, também estava na dúvida, pois fonéticamente OctaCampeões parece ser mais indicado :)

Que seja Bi-Tetra então, lol

ceu azul nuvens brancas disse...

Boas.

Lembro-me de ter lido, aqui há uns tempos que nas 6 modalidades de maior expressão desportiva aqui em Portugal, sendo elas o futebol, o basket, o andebol, o hóquei em patins, o voleibol e o futsal, o máximo que uma equipa tinha conseguido foi ser heptacampeão nacional, tendo como exemplos o grande FCP no hóquei e o Instituto Superior Técnico e creio que o Sporting de Espinho no vólei. Agora, esse recorde foi pulverizado pelo clube do nosso coração, pelo que temos, na minha sincera opinião, não um mas dois motivos para celebrar.

PARABÉNS FC PORTO E OBRIGADO POR MAIS UMA ALEGRIA!!!!

Caetano disse...

Céu Azul(...) se quiseres incluir aí o andebol de 11, modalidade que deixou de ser praticada em Portugal na década de 1970, onde existia um campeonato desde 1938, e que chegou a ter campeonatos mundiais, o FCPorto então conseguiu:

1 Heptacampeonato entre 1938/39 e 1944/45

1 Dodecacampeonato entre 1948/49 e 1959/60 (12 títulos de seguida)

1 Nonacampeonato entre 1966/67 e 1974/75

Uma proeza!

Wolverine23 disse...

He he, grande FCPORTO, sempre na frente...