quarta-feira, abril 14, 2010

Encontro marcado no Jamor a 16 de Maio

FCPorto GD Chaves

FCPorto 4 x 0 Rio Ave
A dinâmica do 4-4-2

Uma boa vitória que valeu pelos bons golos e pela sua qualidade, já o jogo não se podia esperar grandes milagres, pois muitos não titulares jogaram de inicio, mas perante o resultado da 1ªmão e um Rio Ave que onde apenas Bruno Gama tentava fazer pela vida, não se podia esperar mais, e então quando entraram os titulares, foi marcar...

Falando do 4-4-2 de Jesualdo Ferreira, tem uma outra dinamica, e se o treinador tivesse trabalhado esta táctica desde o inicio, talvez o FCP ainda estivesse a disputar outras frentes...

Como é fácil de perceber, o 4-3-3 exige muito aos 3 médios, e se eles não estiverem em boa forma e não forem rápidos a pensar, o FCP desiquilibra-se na defesa, e com o 4-4-2 era possivel disfarçar a pouca força fisica do nosso meio-campo neste ano.

Desde o inicio do ano que isso saltava á vista, só Jesualdo não percebeu o óbvio.

Wolverine23

9 comentários:

Armando Pinto disse...

Acabou por ser um bom jogo, dando para ver alguns menos utilizados e sobretudo o Addy... como os golos foram a parte mais bonita, naturalmente. Importando agora que vamos à final, para conquistar mais uma Taça!

Armando Pinto
http://longara.blogspot.com/

ultrasfcportomatosinhos disse...

Ora boas, sem dúvida uma boa goleada, mas foi preciso recorrer aos nossos avançados principais Hulk e Falcão, se não mesmo com 2 golos de vantagem a coisa podia se ter complicado, mas agora está feito já pertence ao passado, que venha o Chaves terra de benfiquistas eh...eh.. ainda vai dar mais pica lá jogar.

Dragus Invictus disse...

Foi um jogo tranquilo.

Na primeira parte um Rio Ave mais atrevido, mas nunca sem criar grande perigo.

O FC Porto não fosse Carlos ter defendido bem o penalti de Farias, e não fosse Orlando Sá ter falhado o golo isolado frente a Carlos, poderíamos ter partido para o intervalo com 3 a 0.

Com a entrada de Falcao, Hulk e Guarin, fizemos um fase final de jogo com um ritmo forte e marcamos 3 golos em 10 minutos.

Destaco o nosso meio campo, com Valeri a efectuar o melhor jogo desde que chegou ao Dragão.

Belluchi e Ruben a combinar muito bem.

Grande jogo de Fernando e Maicon.

Addy um jogador muito bom tecnicamente, rápido, mas ainda com falta de entrosamento, e não como o idiota do Valdemar Duarte vaticinou "defende mal".

Valdemar Duarte sempre a dizer Fussile em vez de Fucile, enerva um santo!

Aliás este idiota estava sempre com a "merda" na boca.

Falou do 27 golos marcados de Falcao, mas teve de falar na "merda" do Cardozo pelo meio.

Depois quando a nossa claque começou a cantar o habitual "SLB filhos da puta SLB", sentiu-se ... e disse que o Benfica está sempre em todo o lado... como diz o ditado "quem não sente não é filho de boa gente" e ele é mesmo filho....

Mais uma transmissão à lá TVI.

Wolverine23 disse...

Uma boa vitória que valeu pelos bons golos e pela sua qualidade, já o jogo não se podia esperar grandes milagres, pois muitos não titulares jogaram de inicio, mas perante o resultado da 1ªmão e um Rio Ave que onde apenas Bruno Gama tentava fazer pela vida, não se podia esperar mais, e então quando entraram os titulares, foi marcar...

Falando do 4-4-2 de Jesualdo Ferreira, tem uma outra dinamica, e se o treinador tivesse trabalhado esta táctica desde o inicio, talvez o FCP ainda estivesse a disputar outras frentes...

Como é fácil de perceber, o 4-3-3 exige muito aos 3 médios, e se eles não estiverem em boa forma e não forem rápidos a pensar, o FCP desiquilibra-se na defesa, e com o 4-4-2 era possivel disfarçar a pouca força fisica do nosso meio-campo neste ano.

Desde o inicio do ano que isso saltava á vista, só Jesualdo não percebeu o óbvio.

Abraço Camarada

reine margot disse...

no plantel há extremos (ou melhor , no início do campeonato havia extremos válidos e não lesionados), e não vejo como se joga com eles no 4/4/2 ...
apesar do lucho ter feito muita falta, até acho que a razão de se ter verificado que não havia médios para o 4/3/3 tem mais a ver com o que aconteceu com a nossa defesa e nosso trinco...

Caetano disse...

Relativamente ao Addy, notava-se que o rapaz estava extremamente nervoso o que o fez retrair-se. O jogo de ontem não foi de forma alguma conclusivo.

Reine Margot, a defesa?

Wolverine23 disse...

Sim, Reine Margot, no Plantel existem extremos, 4, Hulk pode jogar como avançado móvel num 4-4-2 ou 4-1-3-2, alias como joga agora e quanto a mim é como rende mais e não preso á linha, Rodriguez para mim apesar de poder fazer de extremo é mais um médio-ala num esquema de 4-4-2, defende bem, mas precipita-se nos cruzamentos, acho que rendia mais no 4-4-2, Varela é um extremo puro, esse sim teria de se adaptar a jogar solto na frente e não como extremo, Mariano é médio-ala, e não extremo, não tem velocidade para tal...como tal de 4 passamos para 1...

Esta é a minha opinião, se existia falta de homens no meio-campo para um 4-4-2, talvez, mas após 2/3 jogos do campeonato, saltava á vista de todos que faltavam médios, e Ruben Micael já desde essa altura era referenciado, portanto, era só a SAD ter aberto os olhos, mas para isso era preciso o Jesualdo mudar nessa altura e como todos sabemos ele é teimoso e insistiu no 4-3-3, com os resultados á vista...
Infelizmente e bato nesta tecla, não foi Jesualdo que fez do FCPORTO Tetra-Campeão, foi a Sad e a Qualidade de 12/14 jogadores nos ultimos anos que fizeram do Jesualdo Campeão.

Assim perdemos um titulo que para mim, não fosse a teimosia e insistência num esquema de jogo, que bem vistas as coisas, quase nenhum Portista acha que o FCPorto praticou nos ultimos 4 anos um futebol á altura do FCP, ganhamos é certo, mas o futebol praticado deixa muito a desejar...

Abraço

dragao vila pouca disse...

Agora já não adianta chover no molhado, é acabar bem a época - vitória na taça. Vocês vão ao Pulguedo? Eu vou...- fechar o ciclo, e colocar em prática as terapias, que o diagnóstico já está feito.


Um abraço

Caetano disse...

Vila Pouca, ir lá abaixo era uma boa ideia mas ainda não sei se será possível. Só mais tarde poderei dizer algo em concreto.

Abraço!