quinta-feira, setembro 11, 2008

Vamos lá arranjar uns sumaríssimos

Uma vez que o lance em que Cristian Rodriguez pisa Nuno Gomes é tido como agressão e como tal merecedor de denúncia de sumaríssimo e, como tal, estabelece o padrão, tomei a liberdade de analisar mais uns quantos lances merecedores de processo sumaríssimo no último Benfica x FCPorto... Pelo menos à luz do postulado do que foi anteriomente referido.


Lance 1 - Agressão de Carlos Martins a Sapunaru



O jogador do Benfica ignora a bola e atinge deliberadamente a perna do jogador romeno do FCPorto, ficando no entanto a rebolar-se no chão para disfarçar. A agressão passou em claro mas a imagem não mente! Sumaríssimo para Carlos Martins!



Lance 2 - Agressão de Cardozo a Rolando



Aos 6', aproveitando a disputa de bola com Rolando, Cardozo abre os braços atingindo Rolando no sobrolho, impedindo-o de saltar e provocando um corte com sangramento. Este lance passou em claro mas a imagem não mente! Sumaríssimo para Cardozo!



Lance 3 - Agressão de Di Maria a Raul Meireles



Ganhando a bola a Fucile, Di Maria foge para a área mas Raul Meireles, vindo de trás, consegue cortar para canto. Acto contínuo, Di Maria atinge a perna do jogador portista com a sola e, cúmulo dos cúmulos, atira-se para o chão pedindo penalty! Entrada "a matar" que passou em claro mas a imagem não mente. Sumaríssimo para Di Maria!


Lance 4 - Agressão de Ruben Amorim a Fucile



Fucile ganha a bola e leva-a para a frente. Perante Ruben Amorim, toca a bola por um lado e procura fugir pelo o outro. Imediatamente o jogador do Benfica faz obstrução e levanta o braço atingindo Fucile no rosto. Este lance passou em claro nas barbas do árbitro mas a imagem não mente. Sumaríssimo para Ruben Amorim!


Lance 5 - Agressão de Maxi Pereira a Cristian Rodriguez




Já perto do final do jogo, Cristian Rodriguez ganha posição para ganhar a bola que foi chutada em "balão". Vindo de trás, Maxi Pereira salta com o cotovelo à frente atigindo Cristian Rodriguez na nuca sem nunca chegar a tocar na bola. O lance passou em claro mas as imagens não mentem. Na sequência, vê-se que Maxi consuma a agressão e fica a questão: onde está a bola? Pois é... Precisavamos de mais umas frames do filme para a conseguir ver entrar no plano e constatar que Maxi Pereira nunca chega a tocar na bola.

7 comentários:

Visconde disse...

Apoiado...!!!

dragao vila pouca disse...

Tudo conversa para enganar céguinho e desviar as atenções do essencial: deviam ter sido castigados com interdição do Estádio.Bastava cumprir a lei.

João Branco disse...

www.blogesporto.blogspot.com

Convido a passar por lá :)

Anónimo disse...

LOL...

Que grande LABREGO que tu és!

Deves ser daqueles azeiteiros que acha que o Bruno Alves não faz mal a ninguém!

É por este país estar cheio de idiotas como tu, que estamos na cauda da europa!

Viva a CORRUPÇÃO e os montes de esterco como tu!

Caetano disse...

Ora ora... um lampião stressado, irritado e... anónimo! LOL

Nem preciso de dizer mais nada. Este post agitou o vespeiro e teve o efeito que eu pretendia: à falta de argumentos contraditórios a maralha vira-se para o insulto, sinal claro de que as evidências são irrefutáveis.

Ponto final.

Anónimo disse...

LOL

vocês é que são bons

é pa ok tu vês merdas que mais ninguém vê ó saloio.....

ok ganhas-te ... vai lá comer uma "saladinha de frutas" que isso é que é bom. assim até o pescadores da costa da caparica

Caetano disse...

Caro lampião anónimo (olha outro... por que será?)

Agradeço o elogio à minha capacidade de observação mas mais não fiz que salientar aquilo que é evidente nas imagens. Ainda assim, e mais uma vez, obrigado pelo apreço e pela estima que me dedicas.

Confesso contudo que não compreendi bem o significado da tua última frase. Eu "ganho-me"?...?... AH! Querias dizer "ganhaste" como em venceste? Ora, nem sequer sabia que havia aqui uma competição. Quanto à fruta, agradeço a preocupação pela minha saúde na forma de uma dieta rica em fibras e vitaminas mas eu próprio já tinha consciência desse facto. Uma peça de fruta por dia é fundamental!