quinta-feira, maio 19, 2011

FC Porto - Vencedor da LIGA EUROPA - 2010/2011

Depois de Viena, Tóquio, Sevilha, Gelsenkirchen e Yokohama, Dublin entra irremediavelmente na lista de cidades mágicas do imaginário do Dragão. Na capital da ilha-esmeralda, o FC Porto conquistou a sua primeira Liga Europa, 7 anos após a última conquista de uma prova europeia (a Liga dos Campeões).

Poder-se-á discutir se é justo integrar "in media res" os clubes repescados da Liga dos Campeões. O que é certo é que essa particularidade torna esta Liga Europa muito mais difícil do que o antigo modelo da Taça UEFA e, exactamente por isso, acaba por ser muito mais saborosa esta vitória.

Não foi um jogo bem jogado, muito pelo contrário. Houve poucas oportunidades, muita luta a meio campo, mas, no final e naquilo que realmente interessa, a vitória sorriu ao FC Porto que, cada vez mais se afirma como um dos grandes da Europa e indiscutivelmente, como a equipa portuguesa com maior palmarés internacional:

2 Taças dos Campeões / Liga dos Campeões
2 Taças UEFA / Liga Europa
1 Supertaça Europeia
2 Taças Intercontinentais

Mais uma vez, o FC Porto faz história e deixa ainda mais vincada a sua marca no futebol europeu. A nível interno, a época quase perfeita poderá ter o seu corolário já no Domingo no Estádio do Jamor na final da Taça de Portugal.

Para já, siga a festa! Parabéns ao FC Porto (com um grande enfoque no nosso "Very Special One!") e, porque se impõe dizê-lo, parabéns ao SC Braga não só pela forma briosa como hoje se bateu mas também pela grande época que realizou.

5 comentários:

The Blue Factory of Dreams disse...

Que alegria, que felicidade, que orgulho.

Somos Porto!!!

Grande abraço companheiro

http://thebluefactoryofdreams.blogspot.com/

austria87 disse...

Bom dia
Um grande abraço

VIVA o F.C.PORTO

Caetano disse...

Bom dia!! :) Apesar de um céu cinzento, não acham que está um dia espectacular? ;) Talvez consiga dar um pulinho ao Porto ao final do dia para tomar o pulso à festa.

Um grande abraço!

dragao vila pouca disse...

Umas, poucas, palavras sobre o jogo:
Concordo que foi fraco e a exibição do F.C.Porto deixou a desejar. Fomos lentos, complicativos, fugimos ao nosso futebol natural, trocamos o conjunto pelo individualismo e quando é assim, não somos tão fortes. A jogada de James, já em tempo de descontos, quando em superioridade numérica, tinha Hulk e Falcao, sozinhos para passar e quis fazer tudo, foi paradigmática do que foi hoje o jogo do CAMPEÃO NACIONAL 2010/2011. Mas as finais são para ganhar e se nos lembrarmos do que aconteceu em 1984, em Basileia, frente à Juventus, onde fomos muito melhores e perdemos, passemos por cima da qualidade da nossa exibição e festejemos, festejemos muito, que, meus amigos, ninguém mais do que nós merece festejar.

Um abraço

Dragus Invictus disse...

Bom dia,

Ontem vivi mais uma enorme alegria. Está é a 7º. título internacional (5º. europeu) conquistado pelo nosso Porto.

Foi uma grande festa em Dublin, e uma grande festa por todo o País.

O FC Porto venceu com inteira justiça. Tivemos 2 oportunidades claras de golo na primeira parte (remate rasante de Hulk e cabeçada de Varela) e o lance do golo da vitória.

Na segunda parte o Braga dispôs da única oportunidade de golo, bem defendida por Helton, e nós ainda dispusemos de uma excelente oportunidade por Belluschi.

O jogo do Braga enerva-me. São daquelas equipas à italiana. Meteram-se lá trás, com o GR Artur a passar tempo em cada reposição de bola, e sempre à espera de uma desatenção nossa, ou de uma transição rápida para marcar.

Não me levem a mal, mas deste futebol de Domingos não gosto.

Quanto às alegadas queixas do Braga ... são ridículas. E eu nem falo das cotovelas em Falcao, Hulk e Otamendi...

Só mesmo para fazer jeito ao Braga, o árbitro daria amarelo a Sapunaru num lance normal de disputa de bola.
O futebol é um jogo de contacto físico e Sapunaru dá 2 de Sílvio. O único grave erro do árbitro na minha opinião foi a não expulsão de Sílvio aquando da entrada perigosa a pés juntos sobre Hulk na primeira parte ... mas aceito o critério do árbitro, que não quis entrar pelo caminho das expulsões e percebeu que tinha o jogo na "mão".

Agora vamos festejar. Hoje a equipa tem passagem marcada para os Aliados e para o Dragão, onde irá comemorar esta fantástica conquista com os adeptos.

Domingo temos outra final ... e as finais são para vencer.

Abraço e boa semana

Paulo

http://pronunciadodragao.blogspot.com