segunda-feira, dezembro 07, 2009

Modalidades: Resumo do Fim-de-Semana

Hóquei em patins: FCPorto 10 x 1 Óquei de Barcelos
Goleada vale liderança isolada do campeonato

O FCPorto recebeu e venceu no Sábado o Óquei de Barcelos por expressivos 10 x 1 com 2 x 0 ao intervalo. Os minhotos, actualmente muito longe da equipa que nos anos 90 se afirmou como um grande do hóquei patinado português, ainda tentou dificultar a tarefa ao Octocampeão mas o primeiro golo aos 15m por Reinaldo Ventura marcou o início do descalabro.

Num jogo onde todos os convocados tiveram oportunidade de jogar, marcaram pelo FCPorto Reinaldo Ventura (2), Pedro Moreira (3), Jorge Silva (2), Filipe Santos e Pedro Gil (2). Este jogo também permitiu ao FCPorto assumir pela primeira vez esta época a liderança isolada do campeonato após o Benfica ter empatado a 1 golo em casa do Gulpilhares.

O FCPorto lidera agora com 25 pontos em 9 jogos, com 8 vitórias e um empate curiosamente na Luz frente ao Benfica que é segundo com 23 pontos.


Basquetebol: Vagos 79 x 88 FCPorto
Nem o mau tempo parou o Dragão

Num jogo à última hora transferido para o pavilhão de Esgueira devido ao mau tempo, o FCPorto não deu hipóteses ao Vagos, vencendo por 88 x 79 no regresso de Nuno Marçal.

Hunt e Stempin estiveram em destaque, com o primeiro a anotar 23 pontos e o segundo a chegar ao fim com um registo pessoal de 22 pontos e 14 ressaltos.

O FCPorto, actualmente 3º classificado com 9 pontos em 5 jogos, atrás do duo Benfica e Ovarense com 10 pontos respectivamente, recebe a Física de Torres Vedras na próxima semana. Este será um jogo para vencer até porque os visitantes ainda só conseguiram uma vitória esta época e vão defrontar o ataque mais concretizador do campeonato.


Andebol: FCPorto 40 x 30 Belenenses
7ª vitória consecutiva em grande jogo de andebol

Num jogo de verdadeiro vendaval ofensivo, o FCPorto não deu hipóteses ao Belenenses, vencendo por 10 golos de diferença, tendo apontado 40! O FCPorto entrou forte e desde cedo mostrou que não vinha disposto a conceder quaisquer veleidades à equipa lisboeta.

Vencendo já ao intervalo por 21-14, no reatamento o filme repetiu-se carimbando assim a 7ª vitória consecutiva que vale para já a liderança repartida com o ABC. Ora é precisamente contra os minhotos que o FCPorto vai jogar na próxima jornada.

Depois de durante a semana ter sido eliminado da Taça de Portugal pelo Benfica na Luz, o FCPorto vai agora enfrentar mais um duro teste às suas reais capacidades. Espero daqui a uma semana estar aqui a destacar a liderança isolada do FCPorto.

2 comentários:

dragao vila pouca disse...

Já fiquei todo baralhado. Bem, adiante... Então é assim, no futebol:


O Campeão está de volta!

Ainda não está no ponto, ainda comete erros que não pode cometer, mas já está bem melhor e em condições de lutar, agora sim, pelos objectivos de ser Penta.

Era fundamental ganhar e ganhamos. Ganhamos com todo o mérito e com toda a justiça, apesar de termos sofrido, por culpa própria, depois de termos feito uma grande 1ª parte em que o resultado devia ser 0-3 e não 1-2.
Tinhamos o Vitória morto e demos-lhe os antídotos para ressuscitar e isso podia ter tido consequências desastrosas. Não pode voltar a acontecer, ali, naquela zona e no tempo de desconto, é uma biqueirada para a frente e mais nada.
Depois do sufoco que duru 15 minutos e com as substituições, voltamos a equilibrar a controlar, marcamos 2 gols e se podiamos ter sofrido mais algum, também podiamos ter marcado mais.

Como Jesualdo é teimoso e não vai abdicar do 4x3x3, nestes jogos, difíceis, o Hulk está condenado ao banco ou então, tem de jogar no meio onde rende pouco. Que desperdício! Mas, não há dúvidas, com Varela, que defende e ataca, a equipa fica mais equilibrada...

É curioso, mas o pior Porto dos últimos anos já está em cima do melhor Benfica dos últimos 20 anos...

Nas modalidades, mais um fim-de-semana em grande com o Hóquei no ritmo de sempre e já isolado; o Basquetebol muito melhor, mas ainda não me convenceu tetalmente -aquela derrota em Ovar não me sai da cabeça; e o Andebol muito bem e no bom caminho, apesar de um ou outro contratempo.

Ufa, um abraço

Caetano disse...

Concordo em absoluto. O Hulk tem de evoluir tacticamente para se adaptar a esta posição sob pena de passar muitos jogos no banco. Mas com Varela, isto é, com uma correspondência na extrema direita daquilo que acontece na extrema esquerda, o FCPorto equilibra-se e fica mais coesa, atacando a toda a largura de campo.

Com isso, o adversário estica-se, abre espaços e expõe-se ao jogo ofensivo do FCPorto.

Curiosa essa estatística... Nem me tinha apercebido (assobio para o ar)...

Quanto às modalidades, penso o mesmo em relação ao basquete... com um pouco mais de concentração na parte final do jogo de Ovar, o FCPorto poderia agora ter o pleno. Ainda há muito campeonato pela frente.

Abraço

PS - Cá pelo Zé do Boné é assim. Ou não se relata, ou se relata tudo de uma vez para deixar os leitores, quais verdadeiros defesas do Vitória de Guimarães, completamente à toa! :D